Contos E Crônicas Do Absurdo


    Esse é o livro de Rô Mierling, que promete ter contos de muito suspense. Aquele olho me dá medo, assim como um leitor do blog disse que tem medo do banner que tem olhos e parece estar olhando pra você.
    O livro vai ser lançado em Junho pelo Clube Dos Autores, Amazon e Scortecci.

    Sinopse:

    A obra analisa personagens reais em eventos do cotidiano, descritas em uma ótica crítica, dramática e até irônica, destacando o absurdo de certos eventos que todos consideram normal. Uma menina que desaparece, uma mulher com cinco namorados em uma única semana, uma adolescente que é sequestrada por não saber ler, um assalto fatal que deixa marcas, o drama doméstico do Facebook, a filosofia do beijinho, a tatuagem e seus estigmas, casos insólitos e reais. Esses e muitos outros assuntos são o foco dos contos e crônicas desse livro dinâmico, ágil, divertido e reflexivo. Livro de leitura rápida e fácil para leitores e até "não leitores".


    E o que acharam da sinopse? Ah, dá mais vontade de ler o livro, e o conto que mais quero ler é o da adolescente que é sequestrada por não saber ler. E vocês? Qual querem ler?


    Quotes:

    "A vida pode te surpreender com os mais absurdos acontecimentos, prepara-se, pois o seu amanhã pode ser um fato histórico:"

    "Nunca deixe de verificar se sua porta ou janela estão trancadas, o vento que adentra pode trazer maus ares."

    "Ela abre o papel e olha para os enigmas ali escritos e nada entende: não sabe ler e para ela letras são símbolos estranhos."


    Espero que tenham gostado dos quotes, porque eu gostei *-*

Comentários

  1. Olá Felipe, primeira vez aqui no seu blog. Parabéns a Rô, por estar conseguindo realizar um sonho e não prometo ler, pois minha lista está imensa e tenho pouco tempo reservado para minhas leituras. Tem post novo (nem tanto) lá no blog. Passa lá.
    http://j-a-santos.blogspot.com.br/
    Abraços
    J. A, Santos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas quem sabe até Junho você arranja um tempinho.

      Excluir

Postar um comentário